quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Aparelhamento dos Correios em benefício de Dilma (em texto e vídeo)


PT ultrapassa os limites de utilização da máquina pública, diz Aécio


O candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, convocou coletiva nesta quinta-feira (2) para atacar o que chamou de "aparelhamento criminoso" dos Correios. O tucano vem denunciando a empresa por ter deixado de enviar material de campanha do partido em Minas Gerais. "Começamos a checar e o que descobrimos foram centenas de cidadãos mineiros que não receberam nossa correspondência em cidades para as quais mandamos cartas para todas as casas", disse Aécio. Segundo ele, o partido encontrou casos semelhantes em São Paulo.

O presidenciável disse que o "PT ultrapassa todos os limites de utilização da máquina pública em benefício do seu projeto de poder. Isso tem que acabar. Não é aceitável", afirmou. As queixas de Aécio nasceram de reportagem do jornal "O Estado de S. Paulo" que mostrou um deputado do PT mineiro dizendo, em gravação, que os resultados obtidos pela presidente Dilma no Estado só existiam pelo "dedo" do partido nos Correios. 

O PSDB vai ao TSE contra o PT e também ingressará com uma ação criminal contra a sigla adversária. Segundo Aécio é um crime previsto em lei o descarte intencional de material de campanha. O tucano disse estar "absolutamente otimista sobre a ida ao segundo turno". "A minha palavra é de agradecimento pelo carinho que tenho recebido em todo o Brasil", encerrou.

Fonte: Folha de São Paulo, por Daniela Lima02/09/2014

0 comentários:

Postar um comentário

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites